11 de ago de 2009

[Novidades] Conheça um pouco mais sobre o Agile

O Chevrolet Agile, com lançamento previsto para o último trimestre de 2009, foi desde o início criado para atender às várias demandas de um carro compacto, no qual a versatilidade e design sempre falam alto.

“O Agile vai além de um hatchback tradicional. Nossa tarefa foi de fazer um carro para o brasileiro que é um cliente bem exigente. Design arrojado é fundamental, assim como espaço interno e um aspecto de crossover, ou seja, um carro que ‘transpire’ versatilidade e que consiga atrair vários perfis, desde o urbano até o surfista ou aquele cliente que adora o campo”, afirma o diretor geral de Design GM do Brasil, Carlos Barba.

O Agile conta com a nova identidade visual da Chevrolet, com duas entradas de ar bem marcadas na frente, convergindo para o logo dourado da marca.

O Chevrolet Agile foi projetado tendo como ponto de partida um ponto H elevado (H de hip point, que em inglês significa quadril). Quanto mais elevado for esse ponto, mais alta será a posição de dirigir. Um superesportivo, por exemplo, tem um ponto H bastante baixo, já uma van utiliza um ponto H alto para o motorista, sempre tendo como base a posição do quadril em relação ao solo.

O Agile chega para complementar a linha Chevrolet, atualmente formada pelos modelos Celta, Classic, Prisma, Corsa Hatchback, Corsa Sedã, Astra Hatchback, Astra Sedã, Vectra GT, Vectra Sedã, o sedã Omega, as picapes Montana, S10 Cabine Simples, S10 Cabine Dupla, os monovolumes Meriva e Zafira, e os utilitários-esportivos Blazer e Captiva.

“A confiança do consumidor brasileiro na marca Chevrolet é forte. Maior comprovação deste ponto é que no mês de Junho comercializamos 58.647 unidades no Brasil e com isso batemos o recorde histórico de vendas da Chevrolet, em seus 84 anos de história no País”, afirma Jaime Ardila, presidente da GM do Brasil e Mercosul.

A partir de uma arquitetura, destinada, inicialmente, a mercados emergentes, como Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, o Agile, primeiro produto da família Viva, foi 100% desenvolvido pela Engenharia, Design e Powertrain brasileiros em seu Centro de Desenvolvimento de Veículos no Brasil, em São Caetano do Sul, e no Campo de Provas da Cruz Alta, em Indaiatuba, ambos no Estado de São Paulo.

O Projeto Viva é fruto de um investimento de US$ 400 milhões, que compreendem as fases de desenvolvimento e produção dos modelos em fábricas da GM na Argentina e no Brasil.

“A pronúncia correta de Agile é como se o nome tivesse um acento agudo na letra A. Com tonalidade muito próxima a ágil, palavra que remete também à versatilidade, proposta do novo automóvel da Chevrolet”, explica o diretor de Vendas e Marketing da Chevrolet, Marcos Munhoz.